Ontem foi apenas mais um dia mau. Soube que o Enfermeiro Galante tinha falecido e que ontem tinha sido o seu funeral. Como e porque não sei bem. Apenas que parece que se suicidou depois da bastantes problemas. Não sei a verdade, talvez daqui a uns tempos, mas a ser verdade apenas me confirma os meus receios; isto está cada vez pior. Quando até os mais fortes e corajosos desistem, alguma coisa está muito mal.

O Galante foi uma pessoa bastante importante na minha vida, tanto profissional como pessoal. Tal como muitos outros, tive a oportunidade e o privilégio de fazer serviço com ele, não só no Aeroporto de Lisboa, mas também em concertos e algum que outro serviço em ambulância. Com ele aprendi muito mas também apanhei bastante porrada. Adorava dar-me calduços com uma força desmesurada e meter-se comigo. Gozava porque falava a dormir e porque me metia com as hospedeiras.

Eu também gozava com ele, chamava-o o “Enfermeiro água com açúcar” por causa do hábito que ele tinha de dar dito remédio a quase toda a gente que entrasse pelo posto inconsciente ou etílicamente bem disposta. Mas era um Profissional como nunca vi. Sempre bem disposto, com uma palavra amiga. Sabia um pouco sobre tudo. Quantas noites a conversar no posto de enfermagem do aeroporto? Que saudades.

Mas aquilo que mais lhe devo e que sempre fará dele uma pessoa que nunca poderei esquecer, é que foi ele que me apresentou a Clara. Foi ele que nos juntou. E se fosse só por isso, já era mais que suficiente para fazer parte da minha vida. Cada vez acredito menos na vida após a morte, nos ensinamentos do cristianismo ou das outras religiões, pelo que não sei onde estará agora, ou mesmo de “estará” nalgum sítio… Seja como for, na minha memória está bem presente, pelo que apenas digo,

Obrigado Enfermeiro Galante; obrigado por teres sido meu amigo.

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Uma resposta a

  1. Antonio Cardoso diz:

    Infelizmente perdeu-se um grande Homem, trabalhei com o Enfermeiro Galante no Hospital Militar, devo grande parte daquilo que sou a esse Homem, não sei o que se terá passado para ter tido tal atitude, embora compreenda pois da forma como se vive hoje as pessoas justas, honestas e humanas sentem-se sós e perdidas nesta sociedade, adeus grande AMIGO e até sempre……………………….

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s